Galp – Despedimento coletivo na refinaria de Matosinhos marcado para 15 de setembro

fb-share-icon0

Total de Visualizações 1,240 

A Comissão Central de Trabalhadores da Petrogal adiantou, esta quarta-feira, que o despedimento coletivo dos trabalhadores vai acontecer, para a sua maioria, a 15 de setembro, dia que ficará na história da Galp.

O fecho desta infraestrutura representa o fecho de cerca de cinco mil postos de trabalho e a perda de 1% do Produto Interno Bruto na Área Metropolitana do Porto. Para a Galp, a CCT estimou, no primeiro semestre deste ano, uma destruição de margem de 70 milhões de euros.

Mesmo assim, mais 30% dos trabalhadores da refinaria de Matosinhos irão manter-se, pelo menos, até 2024, no âmbito das operações de desmantelamento e descontinuação.

 

TVSH 2021

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *