Matosinhos entregou gratuitamente mais de mil livros em casa num mês

fb-share-icon0

Total de Visualizações 441 

As Bibliotecas Municipais de Matosinhos entregaram gratuitamente ao domicílio mais de 1.000 livros desde o final de janeiro, aquando do encerramento destes equipamentos devido à pandemia de Covid-19. Com a reabertura, o serviço de entrega de livros ao domicílio vai manter-se.

“O sucesso da iniciativa deve-se não só ao cumprimento escrupuloso dos procedimentos instituídos pelas bibliotecas municipais de Matosinhos, que são avaliados diariamente e adequados às circunstâncias vigentes, mas sobretudo aos seus leitores que, apesar do contexto adverso, continuam a aderir aos seus serviços”, congratula-se a Câmara Municipal de Matosinhos.

Segundo indica a autarquia, desde o início do ano registaram-se mais 200 novos leitores.

De recordar que, em meados de janeiro, o Governo determinou o encerramento das bibliotecas. “Num curto espaço de tempo”, as Bibliotecas Municipais de Matosinhos “prepararam uma estratégia de resposta, apoio e acompanhamento do seu público”, tendo começado a fazer a entrega de livros em casa de forma gratuita.

Os livros, que seguiam dentro de embalagens de plástico, eram entregues em casa por funcionários da câmara.

Findo o prazo da requisição, os livros recolhidos ficavam durante 48 horas em quarentena em locais destinados para o efeito, explicou a autarquia à Lusa.

“Este serviço foi uma das soluções encontradas pela autarquia de Matosinhos para manter a proximidade e o elo de ligação com a sua comunidade”, sublinhou.

As Bibliotecas Municipais de Matosinhos já reabriram ao público, encontrando-se a funcionar de segunda a sexta-feira, das 9h às 19h.

O acesso continua limitado à lotação máxima definida pelas normas da Direção Geral da Saúde (DGS) para cada equipamento (Biblioteca Municipal Florbela Espanca Biblioteca de S. Mamede de Infesta).

No entanto, a Câmara de Matosinhos desenvolveu uma aplicação para smartphone onde é possível verificar, em tempo real, as taxas de ocupação e os picos de utilização da Biblioteca Municipal Florbela Espanca.

Com a reabertura, as bibliotecas municipais retomam a modalidade de empréstimo e devolução de documentos através de agendamento, mantendo-se o serviço de entrega de livros ao domicílio.

Notícia : viva-porto.pt
TVSH 2021

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *