Refinaria de Matosinhos para totalmente no final do mês

fb-share-icon0

Total de Visualizações 448 

A refinaria de Matosinhos deverá parar totalmente no final de abril, arrancando então as operações de desmantelamento e mantendo-se as previsões iniciais de uma poupança anual de 90 milhões de euros com o encerramento, anunciou esta segunda-feira a Galp.
“A unidade deverá parar totalmente no final deste mês e vamos começar a fase de descomissionamento. A descontaminação será mais tarde e, portanto, do ponto de vista de geração de ‘cashflow’, este é um processo que vai demorar muito, muito tempo, mas sem diferenças face aos números previstos”, afirmou o diretor financeiro (CFO) da Galp, Filipe Crisóstomo, durante um ‘webcast’ para apresentação dos resultados do primeiro trimestre da petrolífera.
A Câmara do Porto quer apoiar o setor das diversões itinerantes, isentando os empresários do pagamento de taxas e licenciamento, no valor 155 mil euros, e garantindo o policiamento e infraestruturação elétrica até 30 mil euros em três espaços.
A proposta, que vai ser apresentada na reunião do executivo de segunda-feira e a que a Lusa teve esta quarta-feira acesso, resulta de um protocolo celebrado com as três associações representativas do sector – a Associação dos Profissionais Itinerantes Certificados (APIC), a Associação Portuguesa de Empresas de Diversão (APED) e a Associação Movimento Empresarial dos Itinerantes de Empresas de Diversões e Similares (MEID).

Sublinhando a grande vulnerabilidade desta atividade fortemente atingida pela pandemia de covid-19, a maioria municipal propõe-se apoiar, no período de 21 maio a 30 de junho, a ocupação e exploração, por empresas do setor, de três espaços públicos na cidade: Rotunda Boavista; Fontainhas e Lordelo do Ouro.

Esse apoio será materializado através da isenção do pagamento das taxas e licenciamentos, no valor de 155 mil euros; da garantia do policiamento e da infraestruturação elétrica dos locais cedidos até ao valor máximo de 30 mil euros.

O protocolo assinado com as três associações representativas do setor prevê o cumprimento das medidas de segurança para a utilização dos equipamentos de diversão e restauração itinerantes, incluindo regras de lotação dos veículos de diversão, utilização de equipamentos de proteção individual e regras de higienização dos espaços, de acordo com os prazos e as indicações definidos pela Direção-Geral da Saúde.

TVSH 2021

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *