Viagem virtual ao mosteiro de Leça do balio

fb-share-icon0

Total de Visualizações 405 

Visita 360º já se encontra disponível e tem como guia o historiador Joel Cleto

O Mosteiro de Leça do Balio abriu portas, mas para já apenas de forma virtual. Enquanto decorrem as obras de reabilitação, com conclusão prevista para o próximo verão, o Grupo Lionesa dá a conhecer a história do Mosteiro de Leça do Balio em visita virtual, onde é possível acompanhar de modo dinâmico o projeto de reabilitação orientado por Siza Vieira.
O projeto da visita 360º já se encontra disponível no site www.mosteirolecabalio.com e será muito útil nas salas de aulas e para os curiosos que querem perceber a história que este emblemático edifício guarda. Tudo sem sair de casa ou da escola, à distância de um clique e tendo como guia o historiador Joel Cleto.
Nesta plataforma, Joel Cleto narra os momentos mais importantes por que passou o mosteiro. Trata-se do mais recente investimento do Grupo Lionesa, apresentado ao público como um espaço de interação, uma viagem pela arte dividida em três categorias representadas por cores: a história de Portugal, os Caminhos de Santiago e a arquitetura, sendo possível interagir com o mosteiro através dos 21 pontos/hotspots.
Uma forma de visitar o mosteiro que, por enquanto, permanece encerrado e que tem como objetivo homenagear e perpetuar os Caminhos de Santiago.
Desde a Alta Idade Média que este mosteiro pertencente à Ordem dos Cavaleiros Hospitalários, hoje também conhecida como Ordem de Malta, dava apoio aos peregrinos de Santiago, sendo que aqui passa o mais antigo dos caminhos portugueses.
O centro empresarial da Lionesa, que se instalou ali perto do mosteiro, adquiriu-o em 2016 e convidou Siza Vieira a reabilitá-lo. No terreno que vai do edifício ao centro empresarial, sempre acompanhado pelo rio Leça e o seu corredor verde, vai nascer o Jardim Filosófico, projetado pelo arquiteto paisagista Sidónio Pardal, o mesmo que desenhou o Parque da Cidade do Porto. O projeto inclui ainda a construção de uma escultura de Siza Vieira, com uma estátua que quer homenagear os peregrinos, antigos e contemporâneos, religiosos e laicos.
A partir de 2023, o público já poderá visitar o espaço: o mosteiro, a escultura de Siza Vieira “O Templo” e o jardim filosófico. Será possível fazer a visita guiada no mosteiro, passar no templo e depois entrar no jardim, que conta com 14 estações, todas elas com um tema.
Da autoria de Siza Vieira, “O Templo” é “uma escultura em betão branco, que tem uma zona aberta e outra fechada e faz um jogo de luzes que presta homenagem ao gótico, porque o Mosteiro de Leça do Balio foi o primeiro monumento gótico do país.
Todas as informações com vídeos, textos, áudios e 3D podem ser descobertas no site. No final há um quiz a pensar no público escolar.
Faça agora a sua viagem virtual: www.mosteirolecabalio.com

 

Créditos: CMM

 

TVSH 2021

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.